Customer reference

Cem por cento segurança. – graças a zero por cento metal.

Consulte Mais informação

Quem já segurou um íman junto a uma moeda sabe as forças que podem ser libertadas. Nas ressonâncias magnéticas no hospital acontece mais ou menos o mesmo. Para poder receber imagens de diagnóstico do corpo, o aparelho produz fortes campos magnéticos. Em determinadas áreas das ressonâncias magnéticas são, por isso, apenas permitidos equipamentos e mobiliário que não contêm quaisquer elementos magnéticos. Por esse motivo, o nosso cliente RCN cria produtos de RM especiais, apostando num rodízio totalmente isento de metal, que corresponde ao elevado padrão de segurança: o Levina scan da TENTE.

A situação inicial

A RCN MEDIZIN- UND REHATECHNIK GMBH desenvolve diversos produtos para a rotina dos cuidados de saúde. Entre os quais, bancos para o duche, cadeiras de rodas e andarilhos. Da proposta da empresa fazem parte também cadeiras, suportes IV, camas e estantes, que não são magnéticos. Estes são especialmente recomendados para usar no setor de imagens por ressonância magnética. Abreviado: RM. A empresa produz os meios auxiliares de tratamento há mais de 30 anos e emprega cerca de 100 colaboradores nas suas fábricas nos EUA e na Alemanha.

Condições especiais

Um equipamento RM produz imagens de alta resolução e não expõe à radiação. Na tomografia formam-se campos eletromagnéticos, cuja intensidade é medida em Tesla. Os equipamentos RM com até três Tesla fazem parte da norma nos hospitais. Para obterem uma maior precisão dos detalhes, os médicos usam cada vez mais equipamentos com valores mais altos de Tesla, mas que também produzem campos magnéticos mais fortes. Isto quer dizer: No ambiente de equipamentos RM, os objetos magnéticos são tabu. Devido à sua enorme força de atração, eles representam um perigo para o pessoal e para o paciente. A RCN desenvolve, por isso, mobiliário médico que cumpre de forma intransigente os mais rigorosos requisitos nesta área. São compostos por tubos de plástico branco normalizado e têm uma constituição inconfundível. Para as RM até três Tesla, a RCN produz produtos compostos por plástico e latão. Nesta gama Tesla são também utilizados rodízios que contêm este metal. São usados para rolamentos de esferas e fixações. Para análises a partir de sete Tesla, os móveis e equipamentos têm de respeitar condições de aprovação que representam um verdadeiro desafio: O próprio latão magnético não é permitido. Em alguns países, colocam-se à frente das áreas de RM comportas de segurança especiais que disparam um alarme no caso de magnetismo residual. A RCN produz, por isso, também produtos totalmente em plástico que prescindem completamente de componentes metálicos. Para que estes suportes IV, camas e cadeiras garantem uma mobilidade segura, a RCN precisa de rodízios à altura dos elevados requisitos nesta área.

A nossa solução de mobilidade inteligente

Para RMs muito potentes a partir de sete Tesla, nós desenvolvemos para a RCN uma variante especial do nosso Levina Scan com imobilização total. Notável nesta solução é: Que nós conseguimos prescindir do latão mesmo nas fixações e sobretudo também nos rolamentos de esferas.

O rodízio é totalmente composto por componentes 100 por cento em plástico. Deste modo, o Levina scan não apresenta qualquer magnetismo residual e assegura a máxima segurança nas imagiologias por ressonância magnética. Comparativamente com soluções que contêm latão, ele impressiona pela sua elevada capacidade de carga e pode suportar um peso de até 80 quilogramas. Para proporcionar ainda mais segurança e estabilidade, nós realizamos ainda adaptações individuais.

Os pernos de fixação do rodízio foram adaptados ao tamanho do tubo de plástico normalizado da RCN. Para além disso, nós fixámos o Levina scan com um parafuso de plástico à armação, de modo a que os pernos não possam torcer. O rodízio pode ser obtido nos tamanhos de 100 e 125 milímetros – como rodízio giratório simples e como rodízio giratório com imobilização total.

O Levina scan está para 100 por cento. <br/> 100 por cento plástico e 100 por cento segurança.

Volkmar e Michael Jung, Gerentes na RCN.

Vantagens internacionais e diversas áreas de aplicação

Com o Levina scan, a RCN recebeu o rodízio perfeito para a área RM. É totalmente composto por plástico, distingue-se porém por uma excelente capacidade de carga e garante a máxima segurança. Com base nas suas propriedades, ele é adequado ainda às salas de RM, nas quais se usam comportas com detetor metálico. A solução apresenta grandes vantagens mesmo para o comércio internacional da RCN.

Cada país tem os seus regulamentos próprios relativos ao uso de produtos no campo RM. Os produtos totalmente isentos de metal podem, porém, ser utilizados em todo o mundo sem quaisquer restrições, de modo a que o Levina scan prescinde de uma pesquisa intensiva sobre os regulamentos específicos de cada país. A RCN pode usar os rodízios de plástico não apenas no setor de RM, mas também em instalações de pesquisa ou em comportas de segurança nos aeroportos.

Casos e Competências Relacionados

Imobilizador: Estabilidade de direção facilitada

Fator-chave Ergonomia: Produtivo e saudável

Enfrentar perigos: Segurança de trabalho integrada

Contato

Você está interessado em soluções individuais?

Fale conosco - estamos felizes em aconselhá-lo

* Campo obrigatório

Soluções para suas necessidades individuais. Não hesite em nos contatar pessoalmente.

Phoenix Mecano Com. e Téc. Ltda

Almeda Caiapós 657

CEP 06460-110 Barueri

Brasil

Phone: +55 11 5643-4190

Fax: +55 11 5641-0882

Email: deodoro@phoenix-mecano.com.br